For professional inquires or general questions or comments, please contact: mylilobridge@gmail.com

 

Contact Me

7 Curiosities not to miss visiting Trafalgar Square

April 3, 2019

Trafalgar Square is one of the most emblematic squares in London and one of those that accumulates more tourists per square meter. It turns out that many of the people who go there do so to visit one of the art galleries, to photograph the harmonious set of buildings that makes it one of the most beautiful squares in the world and end up often ignoring details that exist in it and so interesting they are.

 

It was created in 1830 to commemorate the victory of the British Navy at the Battle of Trafalgar. And there's so much history around this square... That's why I decided to tell you about the 7 things that you certainly would not want to miss on your next visit to London.

 

Nelson's Column
In the center of the square is the majestic Nelson Column, built in 1843 in honor of Admiral Nelson, who died during the Battle of Trafalgar. Adolf Hitler was planning to have Nelson's Column dismantled , declaring it would be an impressive way of underlining the German victory if the Nelson Column were to be transferred to Berlin. The granite column is almost 50 meters high and is surrounded by four large lions, built from the molten bronze of the cannons of the French fleet. But, if you notice, these lions are of stunning beauty and realism.

 

The Four Lions

These lions were not put in place before 1867, 25 years after the column was raised. And why was that? Sir Edwin Landseer was the artist behind them, and he had great difficulty in creating a likeness of the lions and had a dead lion sent to his studio from London Zoo, so that he could stydy it. For many years people made bets on when or even if the lions would ever appear. 

 

National Gallery
In the northern part of the square is the imposing National Gallery, where there are several exhibitions throughout the year.

 

St Martin-in-the-Fields Church

This church has an architecture inspired americans churches, with their rectangular design, portico and high steeple.In 1924 the first religious service ever to be broadcast came from St. Martin's.

 

Statue of George Washington
This statue was a gift from the state of Virginia, and is located in Trafalgar Square on a soil imported from the United States, bearing in mind that Washington swore that it would never set foot on British soil again.

 

Statue of Charles I

This is the oldest bronze statue in Britain and the first equestrian statue of a King. When Charles I was beheaded in 1649, the statue was given toa brazier to melt it down, but he hid it in his garden and made a fortune selling bronze trinkets.

 

The Fourth Plinth

There is a plinth at each of the four corners of Trafalgar Square and three of which are occupied with a statue. The fourth plinth was intended for a statue of William IV, but the money ran out and the plinth remained empty. As there has never been any agreement over who to  put there, nowadays the plinth is occasionally occupied by an often controversial work of comtemporary art. 

 

Britain's Smallest Police Box

This small box remains in Trafalgar Square, was built in 1826 and originally held only a lamp. In 1926 Scotland Yard installed a telephone line. It no longer serves as a police box but for storage.

Trafalgar Square é uma das praças mais emblemáticas de Londres e uma das que acumula mais turistas por metro quadrado. Acontece que muitas das pessoas que ali se dirigem, fazem-no para visitar a alguma das galerias de arte, para fotografar o harmonioso conjunto de edifícios que faz dela uma das mais belas praças do mundo e acabam por ignorar muitas vezes pormenores que nela existem e que tão interessantes são.

 

Foi criada em 1830 para comemorar a vitória da armada britânica na Batalha de Trafalgar. E há tanta história à volta dela... Foi por isso que decidi falar-vos das 7 coisas que certamente gostariam de não perder na próxima visita a Londres.

 

Coluna do Nelson
No centro da praça está a majestosa Coluna Nelson, construída em 1843 em homenagem ao almirante Nelson, que morreu durante a Batalha de Trafalgar. Adolf Hitler estava a planear desmantelar a coluna de Nelson, declarando que seria um feito impressionante de reinvindicar a vitória alemã se a coluna fosse transferida para Berlim. A coluna de granito tem quase 50 metros de altura e é cercada por quatro grandes leões, construídos a partir do bronze derretido dos canhões da frota francesa. Mas, se reparar bem neles, estes leões são de uma beleza e realismo impressionantes.

 

Os quatro leões
Estes leões não foram ali colocados antes de 1867, isso só aconteceu 25 anos após a construção da coluna. E porquê? Sir Edwin Landseer era o artista por detrás deles, e consta que estava a ter tanta dificuldade em criar uma imagem dos leões fidedigna, que mandou enviar um leão morto ao seu estúdio, vindo do Zoo de Londres, para que ele pudesse estudá-lo. Por muitos anos as pessoas fizeram apostas sobre quando ou mesmo se os leões apareceriam algum dia.

 

Galeria Nacional
Na parte norte da praça encontra-se a imponente National Gallery, onde há várias exposições ao longo do ano.

 

Igreja St Martin-in-the-Fields
Esta igreja tem uma arquitetura inspirada nas igrejas americanas, com o seu design retangular, pórtico e alta torre. Em 1924, o primeiro serviço religioso a ser transmitido veio da St. Martin.

 

Estátua de George Washington
Esta estátua foi um presente do estado da Virgínia, e está localizada em Trafalgar Square num solo especialmente importado dos Estados Unidos, tendo em conta que George Washington jurou que nunca mais colocaria os pés em solo britânico.

 

Estátua de Charles I
Esta é a mais antiga estátua de bronze da Grã-Bretanha e a primeira estátua equestre de um rei. Quando Charles I foi decapitado em 1649, a estátua foi dada a um especialista para a derreter, mas ele escondeu-a no seu jardim e fez uma fortuna vendendo pequenas peças de bronze.

 

O Quarto Pedestal
Há um pedestal em cada um dos quatro cantos da Trafalgar Square, três dos quais estão ocupados com uma estátua. O quarto foi destinado a uma estátua de William IV, mas o dinheiro acabou e o pedestal permaneceu vazio. Como nunca houve acordo sobre quem colocar no pedestal, hoje em dia este é ocasionalmente ocupado por uma obra de arte contemporânea.

 

O abrigo de polícia mais pequeno da Grã-Bretanha
Esta pequena caixa permanece em Trafalgar Square, foi construída em 1826 e originalmente continha apenas uma lâmpada. Em 1926, a Scotland Yard instalou uma linha telefónica. Não serve mais como abrigo policial, mas para armazenamento.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

You Might Also Like:

Meghan and Harry: Moving on...

January 19, 2020

From 'Waity Katie' to the Crown's jewel before expected

January 17, 2020

1/15
Please reload