For professional inquires or general questions or comments, please contact: mylilobridge@gmail.com

 

Contact Me

Hats Fever

March 18, 2018

Winston Churchill was a frequent customer. Nowadays, is Kate Middleton who get all the attentions, boasting many of the creations of Lock&Co. David Beckham is also seen in the shop many times. I went there, inside of the oldest hat shop in the world and I can confirm it is well and recommended.

 

Founded by James Lock, in 1676, Lock&Co. is one of the oldest family businesses and continues to be the brand of choice for british high society. Quality and personalizes service are two indisputable characteristics. Maybe that’s the reason why important names such as Winston Churchill, Charles Chaplin, Oscar Wilde, Laurence Olivier, Charles de Gaulle, Duke of Wellington or Lord Nelson went there.

Winston Churchill era um cliente frequente. Atualmente, Kate Middleton é quem recebe todas as atenções, com muitas das criações da Lock & Co. David Beckham é outra das personalidades frequentemente vista na loja. Eu estive lá, no interior da loja de chapéus mais antiga do mundo e posso confirmar que está bem e recomenda-se.

 

Fundada por James Lock, em 1676, Lock & Co. é uma das empresas familiares mais antigas e continua a ser a marca de eleição para a alta sociedade britânica. A qualidade e o serviço de personalização são duas características indiscutíveis. Talvez seja por isso que nomes tão sonantes como Winston Churchill, Charles Chaplin, Oscar Wilde, Laurence Olivier, Charles de Gaulle, Duque de Wellington ou Lord Nelson passaram por lá.

In fact, it is the royalty who often makes more use of the elegant hats. More recently, the Duchess of Cambridge has been the greatest responsible for bringing back millinery hats into fashion. Some of her beautiful and colourful hats are designed by Sylvia Fletcher. Sylvia is one of London’s leading milliners and her collections are found at Lock and Co. Hatters.

 

It was in the heart of London, more precisely at number 6 of St. James’s Street, that I had the opportunity to see how it all works behind doors, in the Lady’s department, under the direction of Sylvia Fletcher. It was not difficult at all to get there, because in London there is no one who does not know where Lock&Co. is. There’s an interesting story about someone that made an order by mail and wrote only this in the destination of the address: ‘To the best milliner’s shop in the world, London’.

Na verdade, é a realeza quem mais uso dá aos chapéus elegantes. Ultimamente, a Duquesa de Cambridge tem-se revelado a maior responsável por tornar moda este género de chapéus. Alguns dos seus bonitos e coloridos chapéus têm sido desenhados por Sylvia Fletcher. Sylvia é uma das mais emplemáticas designers de chapéus de Londres e as suas coleções podem ser encontradas na Lock and Co. Hatters.

 

Foi no coração de Londres, mais precisamente no número 6 da St. James's Street, que tive a oportunidade de ver como tudo funciona por detrás das portas, no departamento de Senhora, sob a direção de Sylvia Fletcher. Não foi difícil chegar lá, porque em Londres não há quem não saiba onde fica a Lock & Co. Há até uma história curiosa que costuma ser contada, sobre alguém que fez um pedido por correio e que no endereço do destino escreveu apenas isto: "Para a melhor loja de chapéus do mundo, Londres".

 

 

 

 

ALWAYS ASCOT...

The hats are indissociable fom the famous Ascot horse races. And that’s because it is part of the event’s protocol that every guest, man or woman, should wear a hat.

 

HISTORY...

The event takes place in the English city of Ascot since 1711 and is frequented by the British royal family and the European elite. But the real ‘war’ happens almost always in the women’s side, because it’s them the majority of creativity in the art of choosing the most original hat.

 

LESS IS MORE...

‘If we're talking about a very simple dress, then we can be bolder with the hat. If, on the contrary, the dress is already somewhat luxuriant, the hat should be simpler. There's got to be a balance.’ Here's the golden rule given by Lock & Co designer: ‘At this kind of event, we have to be very careful that the same model is not used by two different people. "

 

There is something romantic in this store built in the seventeenth century. We push the door and a bell rings. The space is small and old, but one thing is certain: there breathes (much) history. In all, they are three floors, the ground floor being the store where dozens of people come in and out daily with the famous boxes of hats in their hands. The walls are lined with shelves where hundreds of meticulously lined boxes are found, and many of the most celebrated client’s heads are also on display, including Princess Diana's.

SEMPRE ASCOT ...
Os chapéus são indissociáveis ​​das famosas corridas de cavalos de Ascot. E isto porque faz parte do protocolo do evento que todos os convidados, homens ou mulheres, usem um chapéu.

 

HISTÓRIA...
O evento ocorre na cidade inglesa de Ascot desde 1711 e é frequentado pela família real britânica e por toda uma elite europeia. Mas, a verdadeira "guerra" acontece quase sempre do lado das mulheres, porque é a elas que cabe a difícil tarefa criativa da arte de escolher o chapéu mais original.

 

MENOS É MAIS...
'Se estamos a falar de um vestido muito simples, então podemos ser mais ousadas ​​com o chapéu. Se, pelo contrário, o vestido já é um pouco luxuoso, o chapéu deve ser mais simples. Deve haver um equilíbrio.' Aqui está a regra de ouro dada pela designer da Lock & Co: 'Neste tipo de evento, temos que ter muito cuidado para que um mesmo modelo não seja usado por duas pessoas diferentes.'.

 

Há algo de romântico nesta loja construída no século XVII. Ao empurrarmos a porta, toca uma sineta. O espaço é pequeno e antigo, mas uma coisa é certa: está carregado de história. No total, são três andares, sendo o piso térreo a loja onde dezenas de pessoas entram diariamente com as famosas caixas de chapéus nas mãos. As paredes são revestidas com prateleiras onde são encontradas centenas de caixas meticulosamente alinhadas, e muitos dos mais célebres formatos de cabeças estão também em exibição, incluindo o da Princesa Diana.

On the first floor is the showroom totally dedicated to the ladies. Here all the evidence is made under the watchful eye of a team specializing in the art of hats. But it is on the top floor that all magic happens. And when I found myself, I was in the middle of the studio doing the interview. In the small room, among scissors, threads, felt and silks, I found Sylvia Fletcher, accompanied by four helpers, preparing the next collection of hats. Fletcher has been the exclusive designer in Lock & Co's lady department for almost 20 years and is responsible for the women's Couture Millinery, Hat-a-Porter and Casual lines.

 

She began early as an apprentice at the age of 16, becoming a designer in the 1980s, at Herbert Johnson, a well-known military hat house, located on Bond Street in London. In the 1990s, Sylvia Fletcher joined Lock & Co and since then, her success has been reflected in the list of clients she is so proud of including royalty and celebrities from around the world. In addition, throughout her career, many of her creations have been part of the collections of Stella McCartney, Bruce Oldfield, Hermès, Prada, among other names and fashionable brands.

No primeiro andar é o showroom totalmente dedicado às senhoras. Aqui, todas as evidências são feitas sob o olhar atento de uma equipa especializada na arte dos chapéus. Mas é no último andar que acontece toda magia. Quando dei por mim, estava no meio do estúdio a fazer a entrevista. No pequeno sótão, entre tesouras, fios, feltro e sedas, encontrei Sylvia Fletcher, acompanhada por quatro ajudantes, dedicada à próxima coleção de chapéus. Fletcher tem sido a designer exclusiva do departamento de Senhora da Lock & Co. nos últimos 20 anos e é ela a responsável pelas linhas femininas Couture Millinery, Hat-a-Porter e Casual.

 

Ela começou bem cedo, aos 16 anos, como aprendiz, tornando-se designer nos anos 80, já na Herbert Johnson, conhecida casa de chapéus militares, localizada na Bond Street, em Londres. Nos anos 90, Sylvia Fletcher juntou-se à Lock&Co. e, desde então, o seu sucesso reflete-se na lista de clientes da qual tanto se orgulha e que inclui membros da realeza e celebridades do mundo inteiro. Além disso, ao longo da sua carreira, muitas das suas criações têm feito parte das coleções de Stella McCartney, Bruce Oldfield, Hermès, Prada, entre outros nomes e marcas sonantes da moda.

‘It was a great challenge to be invited to develop the lady department at Lock & Co, because historically the brand was very masculine’ said Sylvia Fletcher. ‘And, of course, I was also attracted a little by the reputation of the house and by the quality of its products. I realized right away that it was a great opportunity’, she admitted.

 

When we talk about inspiration, Sylvia reveals to us that she is going to get a little of everything that surrounds her: ‘Shapes, colors and textures ... I have a huge interest in sculpture. And the hats are, in fact, worked as such, with the same delicacy.’

How is the service processed? ‘Customers come to us with an idea of ​​what they want. Generally, they bring with them the dresses or the drawings of it, made by the fashion designers, already with the exact colors and textures. From that moment on we can think of the type of hat. And here in the store there is a huge variety of models to choose from.’

'Foi um grande desafio ter sido convidada para desenvolver o departamento de senhora na Lock&Co, porque historicamente a marca estava muito masculinizada', referiu Sylvia Fletcher. 'E, claro, também fui um pouco atraída pela reputação da casa e pela qualidade dos seus produtos. Desde logo percebi que era uma grande oportunidade', admitiu.

 

Quando falamos de inspiração, Sylvia revela-nos que a vai buscar um pouco a tudo aquilo que a rodeia: 'Formas, cores e texturas… Eu tenho um enorme interesse em escultura. E os chapéus são, na realidade, trabalhados como tal, com a mesma delicadeza.'

Mas como se processa, afinal, o atendimento? 'Os clientes vêm até nós já com uma ideia daquilo que pretendem. Geralmente, trazem consigo os vestidos ou os desenhos dos mesmos, feitos pelos criadores de moda, já com as cores e texturas exatas. A partir desse momento é que podemos pensar no tipo de chapéu. E aqui na loja há uma enorme variedade de modelos à escolha.'

THE COLLECTIONS

. Couture Millinery

Always changing style, but classic cut, designed to complete and enhance any dress. Most models can be dyed with the exact shade of the chosen clothing. But to get this service, it takes at least four weeks.

 

. Hât-à-Porter

Ready-to-wear, designed to complement the Haute Couture collection. A more youthful and accessible line that offers a huge variety of models suitable for all events and special occasions.

 

. Casual Collection

Lock & Co has the widest selection of casual style ladies' hats. From felts and furs to winter, to silks and panamas to summer.

But it is not enough to come up with an idea, so it is good to be able to count on the advice of those who really understand the subject. ‘When a person comes to us in search of the perfect hat we have to take into account several aspects: the physical proportions of the client, the tone of his skin and even his personality are very important.’

AS COLEÇÕES
. Couture Millinery
Sempre em mudança de estilo, mas de corte clássico, desenhada para completar e enaltecer qualquer vestido. A maioria dos modelos pode ser tingida com o tom exato da roupa escolhida. Mas, para obter este serviço, são necessárias pelo menos quatro semanas.


. Hât-à-Porter
De pronto-a-vestir, desenhada para complementar a coleção de Alta-Costura. Uma linha mais jovem e acessível que coloca à disposição uma enorme variedade de modelos adequados para todos os eventos e ocasiões especiais.


. Casual Collection
Lock&Co tem a mais vasta seleção de chapéus de senhora de estilo casual. Desde feltros e peles para o inverno, a sedas e panamás para o verão.

Mas não basta chegar com uma ideia, por isso, é bom poder contar com os conselhos de quem realmente percebe do assunto. 'Quando uma pessoa se dirige a nós em busca do chapéu perfeito temos de ter em conta vários aspetos: as proporções físicas do cliente, o tom da sua pele e até a sua personalidade são muito importantes.'

Known for the quality of the materials it uses, Lock & Co .does not give up what is strictly natural. From silks to felts, to velvet or tweed, the materials and fabrics vary depending on the seasons of the year in which they are working, reflecting the great diversity of the brand. ‘Synthetic materials do not work very well on hats’, the designer confided. As for the time it takes to make a hat, it all depends on whether it is more or less sophisticated, which may only take a day or extend to a week.

 

Although the orders can be made by mail or even via Internet, it is best to go through St. James's Street and be treated with the greatest kindness - a kindness that only its employees know how to offer.

 

Nowadays, and increasingly, hats are no longer intended exclusively for an elite. Contrary to what one might think, orders have been increasing. ‘We have lots of brides, mother’s brides, sisters, bridesmaids ... In fact, whole families when it comes to weddings’ says Sylvia. ‘Already gone are those days when Ascot was the time of more work for us ... Now it's the whole year, but still good.’ Parallel to all these personalized creations, the designer still needs space to dedicate herself to the new collections, for this, there are hardly any 'dead hours' in Lock & Co's atelier.

 

By the way, at Lock & Co there is no place for any kind of snobbery. Quite the opposite. There, simplicity is a word of order and every hat is worked as if it is a work of art. So it has been and so it should remain.

Conhecida pela qualidade dos materiais que usa, a Lock&Co não abre mão do que é estritamente natural. Das sedas aos feltros, passando pelo veludo ou tweed, os materiais e tecidos variam consoante as estações do ano em que estão a trabalhar, refletindo a grande diversidade da marca. “Materiais sintéticos não funcionam muito bem em chapéus”, confidencia-nos a designer. Quanto ao tempo que leva fazer um chapéu, tudo depende se ele é mais ou menos sofisticado, podendo demorar apenas um dia ou estender-se a uma semana.

 

Apesar de as encomendas poderem ser feitas por correio ou até via Internet, o melhor mesmo é passar pela St. James’s Street e ser atendida com a maior simpatia e amabilidade que só os seus funcionários sabem oferecer.

 

Hoje em dia, e cada vez mais, os chapéus já não se destinam exclusivamente a uma elite. Ao contrário do que se possa pensar, as encomendas têm vindo a aumentar. “Temos muitas noivas, mães de noivas, irmãs, damas de honor… Na verdade, famílias inteiras, quando se trata de casamentos”, conta Sylvia. “Já lá vai o tempo em que Ascot era a época de mais trabalho para nós… Agora é o ano inteiro, mas ainda bem.” Paralelamente a todas estas criações personalizadas, a designer ainda necessita de espaço para se dedicar às novas coleções, por isso, dificilmente existem ‘tempos mortos’ no atelier da Lock&Co.

 

Aliás, na Lock&Co não há lugar para qualquer tipo de snobismo. Muito pelo contrário. Ali, a simplicidade é palavra de ordem e cada chapéu é trabalhado como se de uma obra de arte se tratasse. Assim tem sido e assim deverá permanecer.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

You Might Also Like:

'Home for You': Interior Design from Porto to the world

November 14, 2019

Meet the 'new' royals of The Crown

November 14, 2019

1/15
Please reload